Chega ao Brasil o sorvete na Notco

A NotCo, startup de origem chilena que usa inteligência artificial para produzir alimentos saborosos e sustentáveis à base de plantas, lança neste mês no mercado brasileiro o Not IceCream, feito 100% de ingredientes vegetais e com a cremosidade dos sorvetes tradicionais. Já vendido no Chile, o NotIceCream agora pretende conquistar os brasileiros que amam sorvete.
O Not IceCream é o primeiro sorvete vegano à venda em redes de supermercados no Brasil a conseguir entregar uma textura e cremosidade tão parecidas com os sorvetes tradicionais. Ele é feito sem leite e com proteína de ervilha. Não contém glúten, transgênico ou ovo.
Todos os produtos da NotCo têm sua receita formulada por um algoritmo de inteligência artificial, criado pelos fundadores da companhia e apelidado de Giuseppe, que procura reproduzir a estrutura molecular dos alimentos de origem animal ao sugerir uma combinação plantas.
“O Not IceCream é um sorvete cremoso delicioso. Se ninguém disser que é feito a partir de ervilha e outros ingredientes vegetais, o consumidor não nota”, diz Luiz Augusto Silva, presidente da NotCo no Brasil. “A escolha dos ingredientes foi feita pelo Giuseppe, nosso algoritmo de inteligência artificial, e nos surpreendeu, porque ficou incrivelmente gostoso”.
Inicialmente, o Not IceCream estará disponível nas redes de supermercado de São Paulo no sabor chocolate. Em breve, a NotCo lançará também outros sabores, como baunilha, cookies & cream e morango, e o sorvete chegará a outras capitais.
A missão da NotCo é revolucionar a indústria alimentícia com a sua proposta de “mudar sem mudar”. Com tecnologia, a startup altera os ingredientes e a maneira como os alimentos são produzidos, mas o consumidor final não percebe a diferença, porque sabor, textura e aroma são aqueles a que ele está acostumado e que lhe dão prazer.