Como substituir os plásticos descartáveis?

O mundo está fechando o cerco contra os plásticos descartáveis. Inúmeras iniciativas governamentais pipocam pelo planeta, que não suporta tanta falta de consciência, seja da indústria, do comércio, seja das pessoas que usam, abusam, mas não descartam corretamente os descartáveis.

plásticos descartáveis

Infelizmente a verdade é que, independentemente de quem seja a responsabilidade, os plásticos descartáveis poluem desnecessariamente o mundo, seja no solo ou nos oceanos

Então prepare-se para um breve futuro sem os descartáveis. Nessa matéria, vamos mostrar algumas iniciativas para substitui-los. Daqui a algum tempo, você nem lembrará que os descartáveis existiram =)

Em março de 2019, o Parlamento Europeu aprovou uma legislação para banir diversos produtos plásticos descartáveis, incluindo canudos, copos, talheres e até cotonetes. A proibição entrará em vigor em 2021.

A lei foi aprovada por grande maioria dos eurodeputados, com 560 votos favoráveis, 35 contrários e 28 abstenções.

O texto das medidas tem como síntese:
– Proibir o uso de plásticos descartáveis caso existam alternativas feitas de outros materiais no mercado. Por exemplo, retira-se o canudo de plástico e substitui-se pelo de papel. Troca-se o talher de pl[astico comum por um biodegradável (de verdade).
– Caso não exista produtos similar ao de plástico, obriga-se a redução do consumo e aumenta-se a exigência para criar novas obrigações para a indústria em relação a gestão e limpeza de resíduos.
– Aumentar os índices de reciclagem na Europa.
– Compor com plásticos recicláveis os produtos plásticos a serem fabricados.
– Repassar o custo de limpeza, coleta e reciclagem para a indústria produtora de plásticos descartáveis e outras que colaboram com a poluição, como a indústria do tabaco.

Quando essas leis chegarão ao Brasil? Não sabemos… Apesar de a Comissão de Meio Ambiente brasileira aprovar o fim dos plásticos descartáveis, ainda temos décadas de desrespeito à legislação. Então vamos destacar abaixo alternativas sustentáveis, assim como inovadoras para reduzirmos ou eliminarmos o uso de plásticos descartáveis.

Como substituir os plásticos descartáveis?

Use, reúse e abuse das canecas
Seria muito difícil usar canecas no lugar de copos descartáveis (sejam plásticos ou de papel)? Se a moda não pegar, Berlim está entre as cidades que testam um projeto que permite aos aficionados por café pegar emprestada uma caneca de bambu reutilizável em um local, em troca de um pequeno depósito, e depois devolvê-la em outro café mais tarde.
Quer mais? A startup Avani, de Bali, desenvolveu um bioplástico compostável feito de amido de milho.

copos e canecas reutilizáveis e compostáveis

Limpe sua orelha, mas não suje os mares
Os cotonetes estão na mira da Comissão Europeia. Pode parecer improvável, mas os oceanos estão cheios de cotonetes (fruto do descarte inadequado) e os animais marinhos os confundem com comida. Existem alternativas ao plástico, como hastes de bambu ou papel, mas você já pode abandonar os cotonetes se clicar nessa pesquisa aqui.

O principal objetivo de fazer talheres e pratos a partir de fontes orgânicas, é a compostagem

Coma seu canudinho
Peixes e outros habitantes dos mares pensam que canudo é comida. Saia na frente deles e coma seu canudo! A startup Wisefood desenvolveu um canudo comestível feito das sobras da produção de suco de maçã da Alemanha.
Em terras brasileiras você já encontra com certa facilidade canudos de papel =)

canudos comestíveis como alternativa aos plásticos descartáveis

Aproveite e coma também seus talheres
Imagine a quantidade de facas, garfos e colheres descartáveis que são usadas apenas uma vez e vão para o lixo. Esses plásticos normalmente são misturados com restos de comida, o que dificulta bastante a reciclagem. Se não puder carregar com você talheres de metal, dê uma olhada nos talheres comestíveis que a startup indiana Bakeys e a empresa americana SpudWares estão produzindo!

use talheres biodegradáveis para substituir os plásticos descartáveis

E a refeição fica completa quando você pode comer seu prato!
A empresa polonesa Biotrem desenvolveu pratos feitos de farelo de trigo que são uma excelente alternativa à maioria dos utensílios de mesa descartáveis feitos de papel ou plástico, cuja produção e utilização são onerosas para o meio ambiente. O processo de produção não requer quantidades significativas de água, recursos minerais ou compostos químicos. A partir de 1 tonelada de farelo de trigo puro e comestível, se produz até 10.000 unidades de pratos.

prato biodegradável contra plásticos descartáveis

Caso você esteja pensando que suas refeições podem ficar indigestas ou pouco higiênicas, saiba que o principal objetivo de fazer talheres e pratos a partir de fontes orgânicas, é a compostagem, ou seja, uma maneira ambientalmente correta de tratar os descartáveis através de um ambiente correto de compostagem (não funciona jogando os talheres no seu quintal). Saiba mais sobre compostagem clicando aqui.

produtos biodegradáveis em alternativa aos plásticos descartáveis

A empresa Biotrem afirma que seus produtos, desde que em um ambiente propício a compostagem, biodegradam em 30 dias, em relação aos meses de degradação do papel (tratado) e centenas de anos dos plásticos feitos a base de petróleo.

É empolgante ver que essas iniciativas finalmente estão ganhando mercado, mas não espere as novidades chegarem por aqui. Comece agora a reduzir, reutilizar e reciclar!